Prefeitura de Catarina

Seja bem-vindo (a). Hoje é

Em Guaiúba- Bandidos furam pneus e assaltam ambulância do Samu que levava vítima de acidente a hospital

Foto - Marcos Moura 
Os criminosos, portando dois revólveres e três facões, renderam os ocupantes: o motorista, um socorrista e a acompanhante da vítima. “A todo tempo frisavam que iam me matar. Foi um momento de terror mesmo”Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi assaltada durante o transporte de uma vítima de acidente de trânsito.O caso aconteceu na noite de domingo (18), no distrito de Água Verde, em Guaiúba, município da Grande Fortaleza. Seis suspeitos de praticar o crime foram presos nesta segunda-feira (19).Segundo o delegado Francisco Cavalcante, titular da Delegacia Metropolitana de Guaiúba, o grupo é conhecido por assaltos no local. “Só no domingo, foram dois assaltos a ônibus e o da ambulância“, conta.Segundo ele, há pelo menos dez dias, a Polícia Civil no
município investigava a quadrilha. Foram presos Alan da Silva Rodrigues, Amadeu Domingos da Silva Filho, Terezinha Alexandre Vidal, Valdemar Roque da Costa Neto, Eliziário Alexandre Vidal e Josivane Eduardo da Silva Roque. Eles foram presos no próprio distrito de Água Verde.Foram cinco os criminosos que realizaram o assalto, quatro homens e uma mulher, afirmou uma das vítimas do assalto, que, em entrevista ao Tribuna do Ceará, pediu para ter a identidade preservada.O grupo colocou troncos de carnaúba na altura do quilômetro 45 da CE-060, que furaram o pneu da ambulância no momento em que esta tentou passar pelos obstáculos. O modus operandi é o mesmo de outros assaltos na rodovia, conta Francisco Cavalcante.
Em seguida, os criminosos, portando dois revólveres e três facões, renderam os ocupantes — o motorista, um socorrista e a acompanhante da vítima. Foram levados diversos pertences pessoais, relógios e pulseiras, além do celular operacional da ambulância. Em seguida, os assaltantes fugiram pelo matagal. “Foi horrível, a pior sensação do mundo”, desabafa a fonte. “A todo tempo frisavam que iam me matar. Foi um momento de terror mesmo“.O Samu transferia para Fortaleza a vítima de uma colisão entre dois carros ocorrida em Acarape. Um dos ocupantes havia morrido no local do acidente. Apesar dos momentos de tensão, o socorro conseguiu ser prestado, e a vítima do acidente está em internada no Instituto Dr. José Frota (IJF).Ficou, porém, o trauma. 

“Estou totalmente desconcentrado, não consigo nem falar direito”, disse a fonte à reportagem, mesmo um dia depois do crime. “Nunca mais vou esquecer”.Tribuna do Ceará questionou a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) se são adotadas medidas especiais de policiamento visando resguardar equipes do Samu em seus deslocamentos, mas não obteve resposta.